quinta-feira, 22 de abril de 2010

Uma historinha resumida.


Eu virava. E minha cabeça virava junto.
Eu amava. E meus poros amavam junto.
Quando me decepcionei, toda a minha vida se decepcionou junto.

Um comentário:

San disse...

Só assim aprendemos a olhar pra trás sem ter que virar a cabeça.